Notícias

07/03/2017

Conselho Estadual de Trânsito ajuda municípios na gestão do tráfego

O Conselho Estadual de Trânsito (Cetran), com apoio do Departamento de Trânsito do Paraná (Detran), quer interagir com as prefeituras e auxiliar na melhor gestão do tráfego nos municípios do Estado. Mensalmente, os conselheiros do Cetran vão conversar com gestores da área nas cidades para discutir legislação e mudanças necessárias, usando o Sistema de Videoconferência do Detran.

“Sabemos que os municípios têm muitas dúvidas referentes à engenharia de tráfego, fiscalização e operação de trânsito. O uso de tecnologia possibilita uma aproximação rápida, a troca de experiências quanto à execução das normas de trânsito e, ainda, um fortalecimento das relações entre Estado e municípios”, explica o diretor-geral do Detran e vice-presidente do Cetran, Marcos Traad.

De acordo com ele, as reuniões devem esclarecer questões sobre a aplicação das diretivas federais e estaduais de trânsito nas cidades, além de discutir formas de melhorar a gestão do trânsito. O uso do sistema de videoconferência também possibilitará a oferta de cursos e palestras que ampliem a visão sobre segurança, educação e sinalização viária, entre outros temas.

Os encontros vão, ainda, esclarecer os gestores sobre a municipalização de trânsito, prevista no Código de Trânsito Brasileiro para todas as cidades do País. “A municipalização do trânsito envolve estrutura administrativa, a preparação técnica e a adequação legal dos municípios às normas do Conselho Nacional de Trânsito. A ideia é auxiliar nesta integração ao Sistema Nacional de Trânsito”, conta o presidente da Cetran, Welligton Dalmaz.

Nesta segunda-feira (6), três municípios participam do encontro – Arapongas, Araucária e Curitiba. Na reunião foi apresentado também o trabalho das Juntas Administrativas de Recursos de Infrações (Jari).

VIDEOCONFERÊNCIA - Atualmente, o Detran conta com 11 estúdios e 60 salas conectados ao Sistema de Videoconferência. Em 2016, foram promovidos pelo Departamento 404 palestras, 121 cursos de reciclagem para motoristas infratores e 95 treinamentos para servidores, agentes de trânsito municipais e estaduais, entre outros.

Arquivo anexado:

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.